Água capilar no chão, o que é? | Tecnologia

O que é água capilar no solo?

Árvores 'bebem' água capilar. Seu instrumento para beber água capilar é a raiz primária. Nesta foto você pode ver as raízes primárias indo para baixo no solo escuro. Este solo é escuro por causa do teor de água nos canais capilares.

Quanto mais escuro o solo, mais água você pode encontrar aqui. A árvore "bebe" essa água através de suas raízes

Quanto mais escuro o solo, mais água capilar você pode encontrar aqui. A árvore "bebe" essa água através de suas raízes.

No solo existem milhões de canais verticais ou tubos. Estes são chamados “tubos capilares”. Sempre que há um aguaceiro, o excesso de água desce para baixo da terra pelos tubos capilares. Em tempo seco, os mesmos tubos transportam a água para a superfície. As árvores estendem suas raízes nesses tubos capilares – que também contém fileiras de fungos que são higroscópicos (atraem água) – e com suas raízes laterais elas sugam a água capilar quando está seco e quente. É assim que uma árvore suporta o calor. Em rochas, minúsculas fissuras invisíveis funcionam como tubos capilares.

O princípio capilar

Veja a animação para entender melhor o princípio de capilaridade. 

Chuva nos desertos

Mesmo em climas menos suáves há água no solo mais do que suficiente para uma árvore sobreviver e crescer. Cai mais chuva nos desertos do que pensamos: comumente entre 150 a 250 milímetros por ano. Isto é o equivalente a uma quantidade entre 150 e 250 litros de água por metro quadrado (um milímetro de precipitação é igual a um litro de água por metro quadrado). Isto representa também de 1,5 a 2,5 milhões de litros por hectare. Em muitos desertos há uma precipitação de 500 milímetros por ano. Alguns desertos chegam a ter 1000 milímetros por ano. A Holanda tem por volta de 700 milímetros por ano.

O problema não é a falta de precipitação, mas sim o período em que ela cai. Em alguns lugares chove por um mês e permanece seco por onze. Se o período úmido é longo o suficiente e as raízes alcançaram a água capilar, a muda vai sobreviver.

Se observarmos áreas de rochas (Alpes, Montanhas Rochosas) ou savanas (Mali, Mauritânia) veremos que enormes árvores crescem lá com facilidade. Mesmo em cima de entrada de túneis, como por exemplo, os holandeses Coentunnel, Dortsetunnel e o Maastunnel, vemos enormes álamos que facilmente sobrevivem períodos prolongados de seca, como no verão de 2006. O solo não passa de seis metros e ainda tem um túnel embaixo. Rochas e secas temporárias não formam um problema para árvores que usam as folhas para absorver água de condensação. Isto é ainda mais válido quando as raízes já tenham crescido até a profundidade da água capilar.

A natureza formará seu próprio ambiente com água capilar

Capilar água pendurada (águas subterrâneas) no solo, onde o solo é escuro - mais água pode ser encontrada

Este retrato mostra claramente a diferença entre a água subterrânea e a água capilar.
Em certos dias a seca é tão elevada que a umidade capilar se torna visível.

Se suprirmos a água necessária durante os primeiros estágios – quando a árvore ainda é jovem e suas raízes ainda não cresceram fundo o suficiente para alcançar a água capilar – então árvores poderão crescer, na verdade, em qualquer lugar. Além disso, uma floresta cria por si mesma as condições certas para estimular e ajudar o crescimento. Árvores causam a criação de um microclima diferente onde elas crescem. Elas provêem sombra para outras plantas crescerem. Animais são atraídos e espalham sementes. O solo fica mais solto e rico recebendo matéria orgânica capaz de reter água e fertilizantes. Lentamente se forma um meio-ambiente em que plantas se desenvolvem. A natureza tem sempre feito isso sem a nossa ajuda: mudar rocha bruta em solo enriquecido.

Como prevenir a perda de água capilar por evaporação

A melhor técnica para manter a água capilar no solo é adicionar uma camada de terra solta em cima da superfície. Durante o dia a água capilar evapora por causa do calor do sol incidindo no solo. Á noite o solo permanece mais quente que o ar e a água evapora também. Pode-se ver isto em duas fotos que foram tiradas após um pequeno teste para provar esse fenômeno. A melhor maneira de parar essa evaporação é interromper a coluna capilar por meio de uma pequena camada de terra solta em cima do solo. Há 50 anos atrás na Holanda, quando não havia irrigação, os agricultores usavam uma técnica antiga para soltar a camada de cima do solo. Eles combinavam esta técnica de manter a umidade com o controle de ervas daninhas. O instrumento que eles usavam era o "rolo ralador". Veja neste link a perda de água no solo e a técnica de prevenção.