Plantação de árvores para lenha | Finança

Plantar árvores para lenha

A enorme importância da madeira combustível

Quase dois terços da população mundial usa madeira e/ou carvão para cozinhar e para fazer fogo. De fato, como combustível, a madeira é mais importante que petróleo para a maior parte da humanidade. Isto tem uma influência desastrosa nas florestas, pois as árvores são cortadas ilegalmente especialmente para esse propósito, além das razões como prover madeira para venda no mundo industrializado, criar espaço para cultivo de soja, cana ou milho para produção de biocombustivel, serem picadas e transportadas para o mundo industrializado para vender “energia verde”. Para dezenas de milhões, esta é a única fonte de renda e, portanto, toda tentativa de parar essa atividade vai falhar. Se essas pessoas não têm o rendimento cortando as árvores e vendendo-as nas cidades como madeira ou carvão, elas vão morrer de fome.

Madeira de fogo é para uma grande parte da população mundial uma importante fonte de energia

Proibir a venda de madeira combustível é impossível.

Por causa da dependência, proibir a venda dessa forma de energia é impossível. Mas, a não proibição também tem efeitos devastadores. Num país como o Afeganistão, apenas 1,3% do país é coberto de florestas enquanto 30.000 hectares são cortados para queima. Em trinta anos muitos países terão esgotado os estoques de madeira para cozinha e fogo. À medida que o preço do petróleo sobe, essa escassez de madeira e carvão pode causar um desastre inimaginável. Dezenas de milhões sem renda e centenas de milhões sem energia. Como solucionar isto?

Deveríamos plantar madeira para combustível.

Com as discussões atuais a respeito das mudanças climáticas isto soa como uma blasfêmia na igreja. Mas, não é e vamos explicar:

  1. Derrubar árvores para cozinhar ou fazer fogo, sem replantar está causando uma poluição de CO² na atmosfera. Isto é errado e tem que cessar.
  2. Plantar árvores e cortá-las quando tenham crescido o suficiente para usá-las como madeira ou carvão para cozinha ou fogo, tem uma influência nula na concentração de CO² na atmosfera. É uma solução sustentável. É lógico: uma certa espécie de árvore com peso “Y” tem “1X” de átomos C na madeira. Durante a queima eles se combinam com O² e formam CO². Isto aumenta a concentração de CO² com “1X” átomos C nas moléculas de CO². Depois de cortar a árvore, plantamos a mesma espécie e a deixamos crescer até um peso “Y”. Para chegar nesse peso a árvore tem que retirar do ar “1X” átomos C através da desagregação de moléculas de CO². Agora a concentração de CO² se reduz na mesma medida em que aumentou durante a queima: “1X” átomos C das moléculas de CO². Algumas organizações dizem que a queima causa uma poluição de CO² 50% maior do que as árvores podem absorver durante o crescimento. Isto é um absurdo, pois durante a queima não podem ser gerados, a partir da árvore, mais átomos C do que a árvore armazenou enquanto decompunha o CO².

Conclusão: plantar árvores para produção de energia é uma solução sustentável.
A conclusão é que usar madeira ou carvão de árvores plantadas é uma solução sustentável que não prejudica a atmosfera. Deveríamos, portanto desenvolver uma indústria de plantação de árvores para cozinhar e aquecer. Daria emprego a milhões, energia a centenas de milhões e iria eliminar a necessidade de derrubada ilegal de florestas na Terra.

Árvores apropriadas de crescimento rápido

Esta é uma lista de árvores de crescimento rápido (Documento originário ‘Wood Energy’ FAO – Unisylva - editor T.M. PASCA):

Para áreas tropicais úmidas

Acacia auriculiformis
Calliandra calothyrsus
Casuarina equisetifolia
Derris indica
Gliricidia sepium
Gmelina arborea
Guazuma ulmifolia
Leucaena leucocephala
Mangroves
Mimosa scabrella
Munringia calabura
Sesbania bispinosa
S. grandiflora
Syzygium cumini
Terminalia catappa
Trema
Para áreas tropicais montanhosas

Acacia mearnsil
Ailanthus altissima
A/nus acuminata
A. nepalensis
A. rubra
Eucalyptus globulus
L. grandis
Grevillea robusta
Inga vera
Para regiões áridas e semi-áridas

Acacia brachystacya
A. cauzbagei
A. cyclops
A. nilotica
A. saligna
A. senegal
A. seyal
A. tortilis
Adhatoda vasica
Albizia lebbek
Anogeissus latifolia
Azadirachta indica
Cajanus cajan
Cassia siamea
Colophospermum mopane
Emblica officinalis
Eucalyptus camadulensis
E. citriodora
E gomphocephala
E. microtheca
E. occidentalis
Haloxylon aphyllum
Il. Persicum
Parkinsonia aculeata
Pinus halepensis
Pithecellobium dulce
Prosopis alba
P. chilensis
P. cineraria
P. juliflora
P. pallida
P. tamarugo
Tamarix aphylla
Zizyphus mauritania
Z. spina-christi

Downloads e links

Lea mas sobre como la leña útil es una fuente de energía para los pobres